Início

Teoria da Comunicação II

Programa de disciplina

HT012 – Teoria da Comunicação II

Disciplina semestral – 30 horas

Departamento de Comunicação Social

Programa

Unidade 1: Ascensão da cultura burguesa, Teoria Crítica e crítica da crítica

I-                   Fundamentos da escola de Frankfurt.

II-                Ascensão da cultura burguesa e da modernidade.

III-             Conceito de indústria cultural e o conceito de razão.

IV-             Crítica da Teoria Crítica

Unidade 2: Cultura, contracultura e a sociedade de consumo

I-                   Os produtos se tornam culturais

II-                Marcuse e a unidirecionalidade da arte.

III-             Sociedade de consumo

Unidade 3: Reprodutibilidade técnica e a linguagem da política em Habermas

I-                   A refuncionalização da arte em Benjamin

II-                Guinada lingüística e a democracia liberal em Habermas

Unidade 4: O marxismo estruturalista e a cultura e a aldeia global

I-                   Ideologia e Aparelhos Ideológicos de Estado: o marxismo e a cultura

II-                Fundamentos do pensamento de McLuhan: a aldeia global, meios quentes e meios frios, a galáxia de Gutenberg, os meios como mensagens.

Objetivo

A disciplina visa dar aos alunos uma visão consistente de estética de massa, focada no pensamento da Escola de Frankfurt. Pretende discutir concepções epistemológicas, conceitos de arte e permitir uma compreensão do momento atual da sociedade de consumo.

Bibliografia

Adorno, Theodor W. e Horkheimer, Max. Dialética do esclarecimento. RJ: Jorge Zahar, 1985.

Argan, Giulio Carlo.Arte moderna: do iluminismo aos movimentos contemporâneos. Tradução de Denise Bottmann e Federico Carotti. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.

Bauman, Zygmunt.  Vida para consumo: a transformação de pessoas em mercadoria. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2008

Benjamin, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura (obras escolhidas). SP: Brasiliense, 1994.

Bronner, Stephen Eric. Da teoria crítica e seus teóricos. Campinas, SP: Papirus, 1997.

Cohn, Gabriel (org.). Theodor W. Adorno: coleção grandes cientistas sociais. Vol. LIV. SP: Ática, 1994.

Cohn, Gabriel (org.). Comunicação e indústria cultural. SP: Nacional, 1975.

Eco, Umberto. Apocalípticos e integrados. São Paulo: Editora Perspectiva, 1998.

Finkelstein, Sidney. McLuhan: a filosofia da insensatez. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1969.

Freitag, Bárbara. Teoria crítica: ontem e hoje. SP: Brasiliense, 1994.

Habermas, Jürgen. Técnica e ciência enquanto ideologia. In Os pensadores. Vol.  XLVIII. SP: Abril Cultural, 1975. Pp. 313-343.

Habermas, Jürgen. Consciência moral e agir comunicativo. RJ: Tempo Brasileiro, 1989.

Hohlfeldt, Antônio. Martino, Luiz C. França, Vera (organizadores). Teorias da comunicação: conceitos, escolas e tendências. Petrópolis, RJ: Vozes, 2001.

Kothe, Flávio R (org). Walter Benjamin: coleção grandes cientistas sociais. Vol. L. SP: Ática, 1991.

Lima, Luiz Costa (org.). Teoria da cultura de massa. RJ: Paz e Terra, 1978.

Marcuse, Herbert. Eros e civilização: uma interpretação filosófica do pensamento de Freud. RJ: Zahar, 1968.

Mattelart, Armand e Michèle. História das teorias da comunicação. SP: Loyola, 1999.

Matos, Olgária C. F. A Escola de Frankfurt: luzes e sombras do iluminismo. SP: Moderna, 1995.

McLuhan, Marshall. A galáxia de Gutenberg. SP: Editora Nacional, Editora da USP, 1972.

McLuhan, Marshall. Os meios de comunicação como extensões do homem. SP: Cultrix, 1969.

Ortega y Gasset, José. A rebelião das massas. São Paulop: Martins Fontes, 1987.

Ortiz, Renato. Cultura e modernidade. São Paulo: Brasiliense, 1991.

Ortiz, Renato. Mundialização e cultura. São Paulo: Brasiliense, 2000.

Puterman, Paulo.  Indústria Cultural: a agonia de um conceito.  São Paulo: Editora Perspectiva, 1994.

Rubim, Antônio Albino Canelas. Comunicação e política. SP: Hacker Editores, 2000.

Willians, Raymond. Política do modernismo: contra os novos conformistas. São Paulo: Editora Unesp, 2011.

Wolf, Mauro. Teorias da comunicação. Editorial Presença: Lisboa, 1987.

Procedimentos didáticos

Aulas expositivas, debates e análises de produtos culturais.

Avaliação

Duas provas, com consulta, no valor de 4,0 cada uma e elaboração de seis questões sobre os textos, enviadas por e-mail, antes da aula sobre o texto a que se refere a pergunta, no valor de 2,0, totalizando 10,0. As provas serão compostas por quatro questões abertas, com valor de 1,0 cada uma.

Mário Messagi Júnior

Março de 2012

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: